Veja agora o que está mudando no Mercado Regional
Voltar para o blog

Veja agora o que está mudando no Mercado Regional

Mudança no Comportamento do Mercado Imobiliário da Região

Pela primeira vez em 15 anos, o interesse por aluguel residencial ultrapassou o de compra, segundo mostra levantamento feito pelo portal ZAP Imóveis. Conforme levantamento do Portal pela primeira vez desde o ano 2000 a procura se inverteu, e agora a locação está em 60% das pesquisas Online do Portal, o que antes era o contrário, eram 60% para venda e 40% para a locação.

Restrições ao financiamento, baixa confiança e desemprego podem ter guiado o consumidor a decisões menos arriscadas, conforme avalia o Corretor de Imóveis, proprietário de imobiliária Demandda Imóveis de Lajeado.

Em Lajeado, assim como em outras cidades do País, a oferta por imóveis disponíveis para aluguel está em alta, tanto para fins residenciais quanto para comerciais. Entretanto, a demanda para o setor de comércio não tem crescido na mesma intensidade. Efeito contrário acontece agora com a locação de imóveis residenciais, onde a procura pela primeira vez é maior para a locação do que para a venda.

No caso do imóvel residencial, para o proprietário da Demandda Imóveis, André Ruppenthal, as mudanças nas regras para o financiamento feito pela Caixa Econômica Federal (CEF), que é o maior financiador habitacional do Brasil, foram os fatores que mais influenciaram essa mudança no comportamento do mercado. Em abril de 2015, o banco anunciou a redução no limite de financiamento para imóveis usados nas operações com recursos da poupança de 80% para 50% - esse tipo era responsável por 27% das negociações, conforme levantamento.

Com essa mudança radical, o comprador, desse tipo de imóvel, passou a ter a dispor somente de metade do valor do imóvel, caso quisesse comprá-lo. “Quem estava guardando dinheiro para dar aqueles 20% de entrada acabou tendo de refazer os planos”, observa. Além disso, somente em 2015, a Caixa elevou três vezes os juros cobrados aos mutuários. E recentemente agora no dia 04 de Janeiro de 2016 também ocorreram mudanças numa outra faixa de financiamento do Mercado Imobiliário, o Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV).

A última vez que os preços máximos dos imóveis do Programa Minha Casa Minha Vida, programa habitacional do governo, haviam sido corrigidos foi no ano de 2012.

As novas regras só serão válidas para novos contratos e já fazem parte da terceira etapa do programa, lançada dia 04 de Janeiro de 2016. O Programa Minha Casa, Minha Vida permite a beneficiários de várias faixas de renda financiar a casa própria a juros mais baixos que as taxas cobradas no mercado, no caso de Imóveis com maior valor.

De acordo com nota divulgada pelo Ministério das Cidades, o valor limite de renda para se beneficiar da faixa que oferece casas totalmente subsidiadas pelo governo passará de R$ 1.600,00 para R$ 1.800,00. As prestações continuarão a ser pagas em 10 anos. Esses beneficiários não pagam juros.

Para famílias que recebem até R$ 800, a parcela será de R$ 80; quem recebe entre R$ 800 e 1,2 mil, pagará 10% da renda; para renda entre R$ 1.200,00 a R$ 1.600,00, o percentual será de 15%; e para renda entre R$ 1.600,00 a R$ 1.800,00 será de 20%. Essas faixas do Programa são somente para beneficiários de Obras do Governo Federal, que são executadas via Órgãos Públicos, como Prefeituras Municipais, por exemplo.

 

A faixa intermediária criada pelo governo, chamada de faixa 1,5, tem subsídio de até R$ 45 mil do governo. Os beneficiários que se encaixam nessa categoria pagarão taxa de juros de 5% ano a partir de agora.

Os juros a partir da chamada faixa 2 aumentaram. Famílias com renda de até R$ 2.700 terão juros de 6% ao ano. As com renda de até R$ 3.600,00 pagarão 7% ao ano. Antes, quem ganhava até R$ 2.455, pagava 5% ao ano. Já para as rendas entre R$ 2.455,01 e R$ 3.275 pagavam 6% ao ano.

 

Na Faixa 3, também ocorreram aumento de juros. Quem recebe agora até R$ 6.500, pagará juros anuais de 8%.

 

Se você tem alguma dúvida, nós ajudamos a esclarecer, diz André da Demandda Imóveis, venham conhecer a Imobiliária, estamos à disposição.

Outros posts

  1. Quem Somos

    Quem Somos

    Surgida do planejamento pessoal de um Profissional de Vendas, com forte atuação na Área de Construção Civil e com 24 anos de experiência na Venda de Bens e Serviços, principalmente neste...

  2. Documentação necessária para Financiamento Habitacional

    Documentação necessária para Financiamento Habitacional

    Uma das formas mais utilizadas nos últimos anos, para comprar o primeiro imóvel é o Financiamento Habitacional. O Financiamento possibilita sem nenhuma dúvida, o planejamento financeiro para...

  3. Como entender o Mercado de Imóveis no Brasil atualmente

    Como entender o Mercado de Imóveis no Brasil atualmente

    Frequentemente sou questionado na fila do supermercado, na rua, por telefone e na imobiliária, de como está o Mercado Imobiliário. Respondo também aos meus que o Mercado está como deveria...

Compra e Venda de Imóveis

Plantão de Vendas e Atendimentos
51 98421-4889
Fixo Oi
51 3011-2829
Fixo Oi
51 3011-2030

Aluguel de Imóveis

Plantão Aluguel
51 99781-1523
Fixo Oi
51 3011-2030
Fixo Oi
51 3011-2829
Celular Aluguel
51 99114-9138

Compra e Venda de Imóveis

Plantão de Vendas e Atendimentos
51 98421-4889

Aluguel de Imóveis

Plantão Aluguel
51 99781-1523
|